Tendências e dicas sobre ferramentas, jardinagem, decoração e cuidados com a casa. Uma loja online preparada para lhe ajudar a escolher os melhores produtos. Acompanhe o Blog da JWT Brasil!

Afinal, quais itens do meu lar precisam de manutenção preventiva?

Dicas Two tilers at industrial floor tiling renovation

Quando o assunto é manutenção de imóvel, muita gente tem dúvidas — o que é extremamente normal, afinal, uma casa não é feita apenas de paredes. Pintura, sistema elétrico e tubulação são exemplos de itens que precisam de um olhar mais atento.

Como o desgaste desses itens é inevitável, a alternativa é apostar na manutenção preventiva a fim de evitar problemas maiores. Não sabe o que é isso? Neste post a gente te explica:

Por que a manutenção preventiva é importante?

Em primeiro lugar, esse tipo de manutenção de imóvel é quando uma série de cuidados são tomados antes de algo apresentar problema. A grande vantagem disso é a redução dos custos, já que essa prevenção evita o surgimento de um problema maior e mais caro.

Cuidar do sistema hidráulico, por exemplo, reparando pequenos vazamentos no vaso sanitário e/ ou torneiras é uma forma de evitar um problema maior na tubulação, como uma grande infiltração que compromete uma parede inteira. Resolver a infiltração certamente custaria mais do que a simples troca de um registro.

Ou seja, a manutenção preventiva, além de ser mais barata que a corretiva, também reduz o estresse e a preocupação.

Qual o momento indicado para troca e revisão de cada item na manutenção de imóvel?

Apesar do desgaste ser comum em todos os itens, o tempo para a manutenção de imóvel pode variar de acordo com alguns fatores. Se o imóvel é muito antigo, por exemplo, certamente a manutenção precisará ser mais frequente, bem como a pintura em paredes e janelas expostas ao sol por muito tempo.

Contudo, há uma indicação de tempo médio para a manutenção de cada item, o que pode ajudar na hora de planejar a sua rotina de cuidados.

Instalações elétricas

O principal cuidado aqui é prestar atenção na sobrecarga de energia. Aparelhos elétricos dando choque, lâmpadas piscando e tomadas com muita descarga podem ser sinais de fuga de energia. Nesses casos, é importante verificar se está tudo dentro do normal a fim de evitar problemas mais graves.

Caso não apresente nenhum desses problemas, especialistas recomendam que haja uma manutenção de imóvel preventiva a cada 5 anos. Contudo, esse tempo pode variar de acordo com o estado das instalações.

giphy (11)

Tubulações

Embora não sofra grandes impactos e esforços por ficar dentro da parede, o sistema hidráulico está sujeito a furos, vazamentos e outras complicações. Para evitar problemas maiores, como infiltrações, verifique se está tudo certo com os canos ao menos uma vez por ano.

Além disso, faça a troca de registros e torneiras sempre que perceber algum vazamento.

Pinturas

Janelas e paredes viradas para o leste costumam precisar de manutenção com maior frequência que as outras, pois nessa direção a exposição ao sol é maior. Contudo, não há um tempo exato, pois depende de muitos fatores.

Uma forma de manter a pintura por mais tempo é fazendo a limpeza com sabão neutro. Isso evita as manchas que surgem com o tempo e também reduz o desbotamento da cor.

Caixa d’água

A cada seis meses é necessário fazer a limpeza da caixa d’água. Isso garante que a água esteja sempre com qualidade para ser consumida sem preocupação, pois evita o acúmulo de sujeira na caixa.

A manutenção de imóvel pode parecer complexa, mas é apenas uma questão de ter cuidado com itens que são tão indispensáveis na rotina de um lar. Por não ser algo que precisa ser feito diariamente é possível organizar um espaço na agenda para cuidar de tudo e garantir o andamento tranquilo da rotina, sem pausas para as complicadas e caras manutenções corretivas.

O que você achou das nossas sugestões? Como você faz a manutenção do seu imóvel? Deixe o seu comentário e compartilhe a sua opinião com a gente em nosso Facebook.