Jardinagem, decoração e ferramentas

Faça uma horta vertical na sua casa ou apartamento

Decoração horta1

Pra quem não sabe, a horta vertical ou horta suspensa é uma técnica de jardinagem que permite plantas, hortaliças e ervas crescerem verticalmente e serem penduradas em suportes longe do chão, como paredes e muros. A intenção é que qualquer um possa ter seu jardim particular em casa, e que, além de produzir seus próprios alimentos e temperos fresquinhos, seja possível tornar o ambiente mais alegre e bonito.

As hortas verticais são indicadas, justamente, para quem tem pouco espaço disponível para uma plantação comum, seja em casas ou apartamentos. Pensando nisso e em você produzimos esse conteúdo com as melhores dicas, coloque em prática e deixe aqui nos comentários a sua opinião. Ok?

horta-vertical-1105175

Tudo começa pelo planejamento

É importante observar que na hora de montar a sua horta é necessário um preparo inicial. Tenha certeza de que o local que abrigará suas plantinhas é bem arejado e dispõe de iluminação solar. Cada planta exige cuidados distintos, enquanto algumas precisam de pelo menos 5 horas de sol, outras talvez nem tanto, portanto, procure fazer uma pesquisa prévia se atentando a esses detalhes.

Ter cuidado ao misturar diferentes tipos de plantas também é essencial, pois elas nem sempre combinam. Um bom exemplo é a hortelã, que se caracteriza como uma planta invasora, e deve ter seu próprio local para que não prejudique o crescimento das outras espécies. As plantas de raízes curtas são as melhores para serem plantadas nesse tipo de jardinagem, justamente pelo tamanho limitado do suportes.

Não esqueça de verificar se a estrutura que ficará fixa na parede irá suportar o peso dos seus vasos, que receberão uma boa quantidade de terra e serão regados constantemente, aumentando o peso. Fique ligado!

O que plantar na sua horta

Uma das partes mais divertidas do processo de elaboração da sua horta vertical é poder escolher quais hortaliças plantar. Dentre elas temos o orégano, manjerona, hortelã, menta, tomilho, coentro, salsinha, sálvia, cebolinha, agrião, manjericão e melissa. Nutra bem a terra do vaso, para que sua plantinha cresça saudável e sem tantas pragas e insetos. Você pode, por exemplo, reaproveitar a água usada para cozinhar vegetais, pois ela acaba ficando rica em nutrientes e ideal para estimular um crescimento saudável da hortaliça, apenas lembre-se de que a água deve estar fria, sem sal ou óleo.

Para evitar que as raízes apodreçam por excesso de água, principalmente durante o inverno, quando as plantas levam mais tempo para absorver líquidos, adicione na base do vaso elementos que possam drenar a água de forma eficiente, como pedras, pedaços de espuma ou até mesmo pequenos furinhos.

Materiais necessários

2 pedaços de tábua para suporte, o tamanho fica a critério de cada um, mas cada tábua usada no tutorial mede 100x30cm;
Lixa de papel para trabalhos manuais;
1 lata de verniz para madeira, a cor usada foi a Mogno, mas pode ser escolhido de acordo com seu gosto;
Rolo ou pincel;
6 vidros de conserva;
1 lápis;
1 régua de 30cm;
1 serra;
6 braçadeiras de pressão;
12 pregos;
1 martelo;
Pedras, terra e plantinhas que serão colocadas no vaso;
1 giz.

como-fazer-uma-horta-vertical-suspensa-passo-a-passo-7

Passo a passo

Lixe cada tábua de madeira, retirando todo tipo de ferpa ou imperfeição existente. É possível aproveitar essa etapa para deixar o acabamento mais arredondado, conforme o seu gosto;
Em seguida, aplique o verniz por toda a extensão da tábua com um rolo ou pincel. Você pode aplicar quantas demãos achar necessário, quanto mais vezes aplicar, mais o material ficará escuro;
Enquanto as tábuas secam, aproveite para deixar os vidros em conserva limpos e prontos para serem usados;
Quando o verniz estiver seco, marque nas tábuas os locais que cada vaso será fixado. Pegue a régua e faça 3 marcações ao longo da madeira, de 25cm de distância cada. A partir disso, faça uma marcação na horizontal também, com 12cm para dentro da tábua. Este será o local onde cada vaso será fixado;
Pegue um pedaço de madeira que não será usado e corte a largura de 1cm de madeira em forma de tira. Corte a tira em 6 pedaços de 3cm, uma para cada vaso;
Passe o verniz nos pedacinhos de madeira também, para que fique na mesma tonalidade que a tábua;
Depois de seco, é hora de posicionar cada pedaço de madeira no ângulo certo. Para isso, coloque os pedacinhos sobre a tábua, faça marcações e vire levemente, para que os potes possam acompanhar seu movimento posteriormente;
Abra as braçadeiras, posicione em cima das madeirinhas e fixe as duas com 2 pregos de tamanho pequeno. Repita o processo para cada vaso;
Com o suporte pronto, é hora de preparar os vasos. Adicione pedras ao fundo de cada ponte, elas são muito importantes para que sua água seja drenada e evite o apodrecimento das raízes. Coloque terra, caso necessário, um pouco de adubo orgânico também e por fim, a sua planta;
Posicione os vasos sobre as braçadeiras e aperte, para que elas fiquem bem seguras e não escorreguem ao serem fixadas na parede;
Por fim, adicione detalhes a madeira para personalizá-la. Pronto, sua horta vertical está pronta!